Coluna: @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior

Eu tenho fé, o 2021 vaaai dar certo!
01 de Janeiro de 2021 às 08:00
Em sua primeira coluna de 2021, Oliveira Júnior saúda a entrada do novo ano.
Em sua primeira coluna de 2021, Oliveira Júnior saúda a entrada do novo ano.

Oooba, chego estar ouvindo o tim tim de taças cristalinas saudando o 2021. Não importa onde você esteja ou quem estás neste momento. Abrace, festeje, comemore, e agradeça a Deus pela felicidade de estar vivenciando a história, até porque, você é ingrediente desse contexto. É hora do agradecer.

Eu agradeço a feliz oportunidade de a cada sexta-feira conectar-me com você por esse canal. Obrigado a toda equipe Santiagonews que trabalha arduamente para lapidar esse portal e a coluna @Serra Gaúcha em especial, com o design sobre as temáticas que abordamos.

Muitos amigos estão nas praias, outros na serra que nem eu, outros tantos no campo, na fazenda, no retiro. Entretanto, deixo aqui um reconhecimento muito especial à classes que não podem se dar a esse luxo, entre tantas categorias, os membros da saúde e da segurança pública. E também àqueles que cuidam da energia elétrica, da internet, porque são responsáveis pela nossa conexão.

Declino aqui meu carinho pelos internautas, pois vocês fazem a audiência e o marketing do nosso trabalho. Desejo toda sorte do mundo aos mandatários, municipais, estaduais e nacionais, porque se eles acertarem em suas decisões, nós povo seremos os beneficiados. E hoje, os 5.568 municípios brasileiros estão também fazendo tim, tim para recepcionarem prefeitos e vereadores escolhidos democraticamente pelo nosso voto. Sucesso a todos para que possamos encher os olhos com o lema da nossa bandeira brasileira, "Ordem e Progresso".

Grande baita chão, Santiago do Boqueirão, Terra dos Poetas, sendo que muitos deles residem noutras plagas, mas levam Santiago no coração. Cito como exemplo, meu amigo Gorge Bittencourt ali na Buena Terra Missioneira, Bossoroca que já foi distrito santiaguense. É assim também meu grande amigo Aramis Gonçalves, hoje lá em São Leopoldo, divulgando sua arte filosófica. E saúdo com muito carinho, poetas santiaguenses, os quais hoje escrevem suas poesias na estância celestial, "Antonio Manoel Gomes Palmeiro, Jaime Pinto, Oracy Dorneles", e outros tantos baluartes da arte poética, filhos da querida cidade de Santiago. A todos, o nosso respeitoso tim, tim. Comemoremos com fé e esperança que em 2021, tudo vaaai dar certo !


Direto da Serra Gaúcha, Oliveira Junior. 

Mais artigos de @ Serra gaúcha - Por Oliveira Junior